SEDE ASSEMBLEIA DE DEUS MINISTERIO DE SANTOS A PIONEIRA FUNDADA EM 1924

SEDE ASSEMBLEIA DE DEUS MINISTERIO DE SANTOS  A PIONEIRA FUNDADA EM 1924

sábado, 30 de abril de 2011

Voz do Pastor

Ovelha

Um viajante, quando passava próximo de um riacho, notou a presença de um pastor e um rebanho de ovelhas. En­quanto observava as ovelhas bebendo água, notou que outro rebanho aproximou-se, e em seguida um terceiro, com seus respectivos pastores. As ovelhas se misturaram a ponto de transformarem-se em um só rebanho. "Agora eu quero ver o que os pastores farão para separar seus rebanhos", pensava o viajante, que se preparou para assistir à confusão.
Enquanto as ovelhas bebiam água e pastavam pela redon­deza, os pastores aguardavam-nas conversando. Quando che­gou o momento de ir embora, aquele que estava há mais tem­po chamou suas ovelhas. Todas as que faziam parte de seu rebanho levantaram a cabeça e foram saindo, uma a uma, se­guindo aquele pastor. "Bem, parece que deu certo, mas ainda restam dois rebanhos misturados. Vamos esperar para ver o que acontecerá", pensava o viajante, na expectativa de ver uma tremenda confusão de ovelhas batendo cabeças e pastores malucos cercando e tentando separá-las. Entretanto, minutos depois, o segundo pastor despediu-se do colega e deu voz de comando, convocando suas ovelhas. Todas que pertenciam ao seu rebanho levantaram a cabeça e seguiram o pastor. Assim, restou apenas o último rebanho, que concluiu o desaponta­mento do viajante.
A este o porteiro abre, e as ovelhas ouvem a sua voz, e chama pelo nome às suas ovelhas e as traz para fora. E, quando tira para fora as suas ovelhas, vai adiante delas, e as ovelhas o seguem, porque conhe­cem a sua voz (Jo 10.3,4).

Pastor Charles Urgnem
FONTE : Ilustrações Para Enriquecer suas mensangens

terça-feira, 26 de abril de 2011

Sociedade Bíblica lança a Bíblia da Mamãe

Bíblia da Mamãe é uma excelente sugestão de presente para abençoar e dar sabedoria às mamães.
Sociedade Bíblica lança a Bíblia da Mamãe
Sucesso nos Estados Unidos, chega ao Brasil a Bíblia da Mamãe. Aguardado com grande expectativa, este lançamento da Sociedade Bíblica do Brasil (SBB) é indicado para presentear mães e futuras mães de todas as idades, especialmente em datas comemorativas como o Dia das Mães e aniversários. Os recursos contidos na publicação ajudam a levá-las até a presença de Deus, onde encontrarão sabedoria e inspiração para poder desempenhar o seu papel materno, auxiliando e orientando seus filhos a partir dos sólidos princípios e valores bíblicos.
Com texto bíblico na tradução de Almeida Revista e Atualizada, a Bíblia da Mamãe é uma tradução da Mom’s Bible, publicada em 2010 pela editora Thomas Nelson. Os estudos e notas foram escritos por Bobbie Wolgemuth. Esposa, mãe e avó, a autora dirige grupos de estudo bíblico voltados especialmente para mães.
A Bíblia da Mamãe possui uma série de recursos, entre os quais quadros de estudos divididos em oito temas, com destaque para o intitulado “Perguntas de Criança”. Nessa seção, há 97 perguntas usualmente feitas pelos filhos, desde a tenra idade até a adolescência. A seleção dos conhecidos “por quês?”, que acompanham todo o desenvolvimento da criança até a fase adulta, são extremamente úteis para guiar as mães, à luz da Bíblia, no relacionamento com seus filhos.
A obra reúne, ainda, notas e referências cruzadas, introduções aos livros da Bíblia, índice de assuntos, leitura para dias especiais, textos famosos da Bíblia, como encontrar ajuda na Bíblia e o que a Bíblia diz sobre o perdão de Deus.
Outro diferencial da publicação é sua capa rosa decorada com textura na cor branca. Vem embalada em caixa de presente diferenciada, cuja edição é limitada.

Recursos:

Texto bíblico: Almeida Revista e Atualizada, 2ª edição
Notas e referências cruzadas
Introduções aos livros da Bíblia
Recursos (quadros de estudo) divididos em:
Nosso Deus é…: destaca alguns pontos para a leitora conhecer Deus, que é Pai, Filho e Espírito Santo.
Crescendo em…: aborda atitudes diárias das pessoas.
Caráter divino: para fortalecimento do caráter divino e desenvolvimento de um coração em Cristo.
Passando adiante: um olhar bíblico sobre o que é digno e importante de ser transmitido aos filhos.
Mães da Bíblia: histórias de mães que são verdadeiros modelos a serem seguidos.
Maravilhoso conselheiro: artigos escritos para ajudar a descobrir questões que devem ser abordadas de modo a libertar a mulher para ser aquilo que Deus espera.
Reflexões: textos curtos ligados a passagens específicas da Bíblia, que oferecem uma saudável perspectiva bíblica para meditação e orientação quanto ao papel de mãe.
Perguntas de criança: respostas úteis à luz da Bíblia para responder aos principais questionamentos da criança.
· Índice de assuntos
· Leitura para dias especiais
· Textos famosos da Bíblia
· Como encontrar ajuda na Bíblia
· O que a Bíblia diz sobre o perdão de Deus
Fonte: SBB
                                                     PALAVRA PASTORAL



BÊNÇÃOS                        
          
    
De ti farei uma grande nação,e te abençoarei,e te engrandecerei o nome.Sê tu uma benção!(Gn 12:2).

  
 
                                            Dádivas de um Pai amoroso

     As bênção de Deus são profusamente distribuídas a todos os que o seguem.As bênção não são simplesmente a recompensa por uma vida correta , Mas especialmente dons de um pai amoroso.As bênção da vida não servem para medir quem nós somos ,mais sim quem é Deus .O Senhor promete bênção pessoais para aqueles que o seguem em obediência e exorta seu povo a ser uma bênção para os outros (Gn 12;2-3)

             MEDITE NISSO E CREIA QUE DEUS TEM UMA BÊNÇÃO PARA VOCÊ 


PASTOR CHARLES URGNEM 




FONTE:BÍBLIA DA MULHER
                                                                      

sábado, 23 de abril de 2011

                       
                      PALAVRA PASTORAL

                         


A OBRA DE CRISTO
Cristo realizou muitas obras, porém a obra suprema que ele consumou foi a de morrer pelos pecados do mundo.(mat.1:21;joão 1:29.) Incluídas nessa obra expiatória figuram sua morte,ressurreição,e ascensão.Não somente devia ele morrer por nós, mas também viver por nóis.Não somente devia ressuscitar por nós,mas também ascender para interceder por nós diante de Deus.(rom.8:34;4;25;5:10.)



sua morte

Sua importância. O evento mais importante e a doutrina central do novo testamento resumem-se nas seguintes palavras:¨Cristo morreu (o evento) por nossos pecados (a doutrina)¨ (1cor.15:3). A morte expiatória de cristo é o fato que caracteriza a religião cristã. Martinho Lutero declarou que a doutrina cristã distingue-se de qualquer outra ,e mui especialmente daquela que apenas parece ser cristã , pelo fato de ser ela a doutrina da cruz . Todas as batalhas da reforma travaram-se em torno da correta interpretação da cruz . O ensino dos reformadores era este:quem compreende perfeitamente a cruz, compreende a Cristo e a bíblia !
È essa característica singular dos Evangelhos que faz do Cristianismo a única religião ; pois o grande problema da humanidade é o problema do pecado ,e a religião que apresenta uma perfeita provisão para o resgate do poder e da culpa do pecado tem um propósito divino.Jesus é o autor da ¨salvação eterna¨(Heb.5:9),isto é, da salvação final.Tudo quanto a salvação possa significar é assegurar por ele.



JESUS QUER TE SALVAR E LIBERTA DOS SEUS PECADOS .
PASTOR CHARLES URGNEM

FONTE:CONHECENDO AS DOUTRINAS DA BÍBLIA

sexta-feira, 22 de abril de 2011


Páscoa - Qual o verdadeiro significado?

Qual é a origem e significado da Páscoa? Como surgiu a idéia do coelho e ovos de chocolate? E por que na sexta-feira dizem que não se deve comer carne mas sim peixe?

A páscoa pode cair em qualquer domingo entre 22 de março e 25 de abril. Tem sido modernamente celebrada com ovos e coelhos de chocolate com muita alegria. O moderno ovo de páscoa apareceu por volta de 1828, quando a indústria de chocolate começou a desenvolver-se. Ovos gigantescos, super decorados, era a moda das décadas de 1920 e 1930. Porém, o maior ovo e o mais pesado que a história regista, ficou pronto no dia 9 de abril de 1992. É da Cidade de Vitória na Austrália. Tinha 7 metros e dez centímetros de altura e pesava 4 toneladas e 760 quilos. Mas o que é que tem a ver ovos e coelhos com a morte e ressurreição de Cristo?

A origem dos ovos e coelhos é antiga e cheia de lendas. Segundo alguns autores, os anglo-saxões teriam sido os primeiros a usar o coelho como símbolo da Páscoa. Outras fontes porém, o relacionam ao culto da fertilidade celebrado pelos babilônicos e depois transportado para o Egito. A partir do século VIII, foi introduzido nas festividades da páscoa um deus teuto-saxão, isto é, originário dos germanos e ingleses. Era um deus para representar a fertilidade e a luz. À figura do coelho juntou-se o ovo que é símbolo da própria vida. Embora aparentemente morto, o ovo contém uma vida que surge repentinamente; e este é o sentido para a Páscoa, após a morte, vem a ressurreição e a vida. A Igreja no século XVIII, adotou oficialmente o ovo como símbolo da ressurreição de Cristo. Assim foi santificado um uso originalmente pagão, e pilhas de ovos coloridos começaram a ser benzidos antes de sua distribuição aos fiéis.
Em 1215 na Alsácia, França, surgiu a lenda de que um dos coelhinhos da floresta foi o animal escolhido para levar um ninho cheio de ovos ao principezinho que esta doente. E ainda hoje se tem o hábito de presentear os amigos com ovos, na Páscoa. Não mais ovos de galinha, mas de chocolate. A idéia principal ressurreição, renovação da vida foi perdida de vista, mas os chocolates não, ele continuam sendo supostamente trazidos por um coelhinho...
O Peixe, foi símbolo adotado pelos primeiros cristãos. Em grego, a palavra peixe era um símbolo da confissão da fé, e significava: "Jesus Cristo, filho de Deus e Salvador." O costume de comer peixe na sexta-feira santa, está associado ao fato de Jesus ter repartido este alimento entre o povo faminto. Assim a tradição de não se comer carne com sangue derramado por Cristo em nosso favor.

Mas vejamos agora, qual é a verdadeira origem da Páscoa?
Não tem nada a ver com ovos nem coelhos. Sua origem remonta os tempos do Velho Testamento, por ocasião do êxodo do povo de Israel da terra do Egito. A Bíblia relata o acontecimento no capítulo 12 do livro do Êxodo. Faraó, o rei do Egito, não queria deixar o povo de Israel sair, então muitas pragas vieram sobre ele e seu povo. A décima praga porém, foi fatal : a matança dos primogênitos - o filho mais velho seria morto. Segundo as instruções Divinas, cada família hebréia, no dia 14 de Nisã, deveria sacrificar um cordeiro e espargir o seu sangue nos umbrais das portas de sua casa. Este era o sinal, para que o mensageiro de Deus, não atingisse esta casa com a décima praga. A carne do cordeiro, deveria ser comida juntamente com pão não fermentado e ervas amargas, preparando o povo para a saída do Egito. Segundo a narrativa Bíblica, à meia-noite todos os primogênitos egípcios, inclusive o primogênito do Faraó foram mortos. Então Faraó, permitiu que o povo de Israel fosse embora, com medo de que todos os egípcios fossem mortos.

Em comemoração a este livramento extraordinário, cada família hebréia deveria observar anualmente a festa da Páscoa, palavra hebraica que significa "passagem" "passar por cima". Esta festa, deveria lembrar não só a libertação da escravidão egípcia, mas também a libertação da escravidão do pecado, pois o sangue do cordeiro, apontava para o sacrifício de Cristo, o Cordeiro que tira o pecado do mundo.

A chamada páscoa cristã, foi estabelecida no Concílio de Nicéia, no ano de 325 de nossa era. Ao adotar a Páscoa como uma de suas festas, a Igreja Católica, inspirou-se primeiramente em motivos judaicos: a passagem pelo mar Vermelho, a viagem pelo deserto rumo a terra prometida, retirando a peregrinação ao Céu, o maná que exemplifica a Eucaristia, e muitos outros ritos, que aos poucos vão desaparecendo.

A maior parte das igreja evangélicas porém, comemora a morte e a ressurreição de Cristo através da Cerimônia da Santa Ceia. Na antiga Páscoa judaica, as famílias removiam de suas casas, todo o fermento e todo o pecado, antes da festa dos pães asmos. Da mesma forma, devem os cristãos confessar os seus pecados e deles arrepender-se, tirando o orgulho, a vaidade, inveja, rivalidades, ressentimentos, com a cerimônia do lava-pés, assim como Jesus fez com os discípulos. Jesus instituiu uma cerimônia memorial, a ceia, em substituição à comemoração festiva da páscoa. I Coríntios 11:24 a 26 relata o seguinte:
Jesus tomou o pão, "e tendo dado graças o partiu e disse: Isto é o meu corpo que á dado por vós; fazei isto em memória de mim. Por semelhante modo, depois de haver ceado, tomou o cálice, dizendo: Este cálice é a nova aliança no Meu sangue, fazei isto todas as vezes que o beberdes, em memória de mim. Porque todas as vezes que comerdes este pão e beberdes o cálice, anunciais a morte do senhor, até que ele venha."

Vários símbolos nesta ceia merecem nossa atenção. O ato de partir o pão, indicava os sofrimentos pelos quais Cristo havia de passar em nosso favor. Alguns pensam, que a expressão "isso é o meu corpo" signifique o pão e o vinho se transformassem realmente no corpo e no sangue de Cristo. Lembremo-nos portanto, que muitas vezes Cristo se referiu a si próprio dizendo "Eu Sou a porta" (João 10:7), "Eu sou o caminho" (João 14:6) e outros exemplos mais que a Bíblia apresenta. Isto esclarece, que o pão e o vinho não fermentado, são símbolos e representam o sacrifício de Cristo. Ao cristão participar da cerimônia da ceia, ele está proclamando ao mundo sua fé no sacrifício expiatório de Cristo e em sua segunda vinda. Jesus declarou: "Não beberei deste fruto da videira, até aquele dia em que o hei de beber convosco no reino de Meu Pai." ( Mateus 26:29)

Portanto, a cerimônia da Santa-Ceia, que Jesus instituiu, que veio a substituir a cerimônia da Páscoa, traz muitos significados:

1 - O Lava-Pés, significa a humilhação de Cristo. Mostra a necessidade de purificar a nossa vida. Não é a purificação dos pés, mas de todo o ser, todo o nosso coração. Reconciliação com deus, com o nosso próximo e conosco mesmo - união - não somos mais do que ninguém. O maior é aquele que serve...

2 - A Ceia significa a libertação do Pecado através do sacrifício de Cristo. Significa também estar em comunhão com ele. E sobretudo, é um antegozo dos salvos, pois Jesus disse: "Não beberei deste fruto da videira, até aquele dia em que o hei de beber convosco no reino do meu Pai. (Mateus 26:29)

Conclusão:
Advertindo a cada cristão, que tome cuidado com os costumes pagãos que tentam sempre driblar os princípios bíblicos. Não é de hoje, que se nota como os princípios bíblicos são alterados por costumes e filosofias humanas. Adoração a ídolos, a mudança do sábado para o domingo, o coelho e o chocolate, são apenas alguns exemplos das astúcias do inimigo. A Bíblia, e a Bíblia somente, deve ser única regra de nossa fé, para nos orientar, esclarecer e mostrar qual o caminho certo que nos leva a Deus e que nos apresenta os fundamentos de nossa esperança maior que é viver com Cristo e os remidos, num novo céu e numa nova terra. Devemos tomar cuidado com as crendices, tradições, fábulas, e mudanças humanas disfarçadas. Minha sugestão é examinar com oração, cuidado e com tempo as Sagradas Escrituras, para saber o que hoje é crendice ou tradição, estando atento, para saber o que realmente deus espera de cada um de nós.

Jesus foi claro "Fazei isto em memória de mim." Ele exemplificou tudo o que deve ser feito. E se queremos ser salvos, precisamos seguir o que Jesus ensina e não outras tradições ou ensinamentos. Mateus 15:9 adverte: "Em vão me adoram, ensinando doutrinas que são preceitos dos homens."




FONTE:EQUIPE NOVO TEMPO

quarta-feira, 20 de abril de 2011

                         


                                  
                                      PALAVRA PASTORAL




                
                                     APRENDENDO
 
                        O DEUS QUE ENSINA   

 Isaías 48 ,17  Assim diz o Senhor,o teu Redentor,o  Santo de Israel: Eu sou o Senhor ,o teu Deus,que te ensina o que é útil e te guia pelo caminho em que deves andar .

    ENSINA , Lamad; instruir,treinar;estimular,incitar;ensinar;fazer alguem aprender.A origem do verbo pode ser encontrada no incitar o gado.Semelhantemente ,ensinar e aprender estao ligados por uma grande variedade de incitamentos ;como por eventos memoráveis,técnicas ou lições .

PASTOR CHARLES URGNEM  .


FONTE:BÍBLIA PLENITUDE

terça-feira, 19 de abril de 2011

19 / abril / 2011 - 1:38

Raio atinge Igreja Batista durante o culto em Pernambuco

200 pessoas estavam no culto naquele momento, mas ninguém ficou ferido
Raio atinge Igreja Batista durante o culto em Pernambuco
O pastor José Xavier Câmara Filho, da Igreja Batista dos Remédios contou que um raio atingiu o templo durante o culto realizado na manhã deste domingo, 17, e chegou a danificar o teto. A igreja está localizada no bairro de Afogados em Recife (PE) e no momento tinha cerca de 200 pessoas no local, mas não houve feridos.
Em entrevista ao G1 o pastor afirma que por volta das 11h estava chovendo muito e ele percebeu uma luminosidade diferente. “Achei que tudo ali ia desmoronar”, diz o pastor que está à frente do ministério há quase 30 anos e nunca presenciou algo parecido.
As informações são de que a estrutura do prédio não foi prejudicada, mas mesmo assim os cultos estão suspensos pelo menos até esta quarta-feira, 20, para reparos dos danos no telhado da igreja. Na ocasião nem o Corpo de Bombeiros, nem a Defesa Civil foram acionados.
Na quinta-feira (14), um para-raios havia sido instalado na igreja. “Foi por Deus que instalamos o para-raios”, disse o pastor.
Fonte: Gospel Prime
Com informações G1

   
 
A Igreja Evangélica Assembléia de Deus - Ministério de Santos é considerada a Pioneira no Estado de São Paulo.
No dia 05 de Maio de 1924, foi fundada a Igreja em Santos, Estado de São Paulo, pelo Missionário Daniel Berg. Mas voltemos ao passado, para entendermos um pouco mais sobre a bela história de fundação da obra de Deus em nossa cidade.
De acordo com o que narra o livro: "Simon Lundgren e a Obra Missionária no Brasil" de autoria de Eliezer Cohen, Charles Leonard Simon Lundgren é natural da cidade de Upsala, localizada ao sul da Suécia, nascido em 28 de Outubro de 1898. Converteu-se ao Evangelho em 26 de Dezembro de 1916. Certa noite, a igreja local recebeu a visita do Missionário Joel Carlsson, que estava trabalhando no Brasil e viera à Suécia em período de descanso. Foi durante este Culto que Lundgren ouviu Jesus falar nitidamente: _ "Simon, meu servo, mandar-te-ei ao Brasil." No início, Simon tentou relutar, mas aos 20 dias do Mês de Novembro de 1924, embarcou no navio "Almanzora", que estava aportado em Londres e finalmente chegou ao Porto de Salvador, na Bahia, no dia 11 de Dezembro do mesmo ano.
Para ler a mensagem completa e ver a história dos pastores presidentes, clique no link abaixo: Centenário das Assembleias de Deus no Brasil 
 
FONTE:ASSEMBLEIA DE DEUS MINISTERIO DE SANTOS 
 
 

segunda-feira, 18 de abril de 2011


 
 
As Assembleias de Deus no Brasil completam seu Centenário em 2011 e para que você compreenda como os fatos aconteceram, nós contaremos essa história. Acompanhe-nos e conheça a trajetória do evangelho, que chegou ao Brasil graças a dois suecos.
Segundo uma pesquisa feita pela historiadora e Pastora Rosane Gomes, foram destacados acontecimentos compreendidos entre os anos de 1924 e 1962, procurando focalizar os fatos que procederam e foram de grande importância para que a Igreja se projetasse, hoje como uma grande organização dentro da sociedade santista.
Ela explica que o Pastor Francisco Paiva teve destaque nesses fatos. Rosane o define como um homem de grande visão, tanto para a evangelização como para a obra social e educacional, cedendo as dependências da Igreja para serem usadas como salas de aula pela Prefeitura Municipal de Santos.
De acordo com a historiadora, após 1962, não poderia deixar de mencionar a presença marcante do Pastor João Alves Corrêa, com quem a Igreja teve um acelerado desenvolvimento.
Rosane observou também através das entrevistas que fez, que a mulher teve grande importância para o desenvolvimento da Igreja.
"Vale aqui destacar a irmã Hermínia Limeira e a irmã Maria Simonetti, ambas vindas do norte do Brasil e que desenvolveram relevado papel na dissiminação do Evangelho, pois, na falta de obreiros homens, elas foram enviadas para o interior do Estado para abrir novos templos", conta.
A irmã Hermínia, como pioneira da Igreja Evangélica Assembléia de Deus em Santos, dedicava-se com afinco e muito amor ao trabalho de evangelização. Irmã Simonetti, que ao tomar às mãos as Sagradas Escrituras, o povo parava para ouví-la, pois sua oratória emocionava a platéia e resultava em muitos novas conversões.
A maior dificuldade que Rosane diz ter encontrado foi contactar com remanescentes da época. "Devido à idade avançada dos entrevistados, as informações obtidas tinham que ser comparadas com outros testemunhos, para que a informação pudesse ser colocada com precisão."
A historiadora comenta que muitas das informações obtidas em suas entrevistas podem ser confirmadas em atas, onde constam registros de decisões, autorizações para vendas de imóveis, reconciliações e afastamentos de membros, balancetes e ordenação de ministros. "As decisões de modo geral são tomadas mediante assembleia ordinária ou extraordinária, conforme a situação exigir", explica.
A pesquisa foi dividida conceituando o fenômeno que foi o surgimento do pentecostalismo para a história, a fundação da Assembleia de Deus - Ministerio de Santos (IEADMS), destacando a organização da mesma e a biografia dos homens e mulheres que com suas vidas fizeram esta história.

Início do Movimento
Pentecostal no Brasil e origem da Assembléia de Deus

Na cidade de South Bend, no Estado de Indiana - EUA, que fica cerca de 100 km de Chicago, morava um jovem pastor batista que se chamava Gunnar Vingren.
Atraído pelos acontecimento do avivamento de Chicago, Gunnar Vingren foi a cidade de Chicago - EUA, a fim de certificar-se da verdade. O jovem creu e foi batizado com o Espírito Santo.
Pouco tempo depois, Gunnar Vingren participava de uma convenção de Igrejas Batistas que aceitaram o Movimento Pentecostal, onde conheceu outro jovem que se chamava Daniel Berg, que também fora batizado com o Espírito Santo.
Os dois jovens trocaram idéias e descobriram então, que Deus os guiava no mesmo sentido, isto é, que o Senhor desejava envia-los com a mensagem pentecostal a terras distantes, mas não sabiam onde seria.
Gunnar Vingren e Daniel Berg, depois de dedicarem-se a oração, surgiu um nome durante a oração. Nem o Pastor Vingren, muito menos Daniel Berg conheciam, nem sequer ouviram falar o nome "Pará".
Foram até uma livraria, compraram um mapa, e então, descobriram que o Pará se tratava de um Estado do Norte do Brasil.
Eles não tinham qualquer promessa de auxílio, quer de igrejas ou de particulares, para a viagem, mas tinham o coração cheio de confiança em Deus. 
FONTE:ASSEMBLEIA DE DEUS DE SANTOS

Reuna todos os seus amigos em um só lugar e converse instantaneamente com todos eles! Crie seu blog, adicione fotos, vídeos, crie e participe de comunidades! Cadastre-se agora na Alki Page, a rede social do Grupo Alphaki que já está bombando! Só falta você - acesse já: www.alki.com.br. ....